Dicas preciosas para organizar um casamento LGBT

4
Por Paula Comparini Vecchi, da Enlace Colorido – Casamento e Conteúdo

Com a resolução nº 175 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), aprovada em 2013, o casamento entre pessoas do mesmo sexo já pode ser realizado em qualquer cartório do Brasil. O que antes eram uniões intimistas e até mais discretas, passaram então a ser comemoradas em grande estilo, com a realização de cerimônias maiores. No entanto, o desafio para organizar o evento aumenta nesses casos, por se tratar de algo novo.

Ao planejar a celebração, deve ser levado em conta o estilo do casal, o tipo de festa que pretendem ter e quais convidados não podem deixar de comparecer ao evento. Pesquisar festas de casamentos parecidas na internet também pode servir de inspiração para os noivos que desejam ter um casório personalizado.

Os casais devem conversar entre si e escolher juntos cada detalhe. Quanto mais diálogo e compreensão houver, mais perfeito ficará o casamento, adorável para os convidados e inesquecível para o casal, que certamente guardará boas lembranças.

Algumas dicas preciosas para tornar essa celebração ainda mais inesquecível:

QUESTÃO LEGAL: Para dar entrada nos papéis, é preciso que você e seu noivo (ou sua noiva) compareçam a um cartório com suas certidões de nascimento e cédulas de identidade originais, comprovante de residência original e duas testemunhas (devem ser maiores de idade e podem ter grau de parentesco, exceto pai e mãe). É necessário esperar 15 dias e, se estiver tudo certo, o oficial certificará no processo que os noivos estão aptos a se unirem e dará um prazo de três meses para a realização do matrimônio.

PREPARAÇÃO DOS VOTOS: Nos casamentos homoafetivos geralmente não há discurso religioso e os noivos ou noivas falam sobre seus sentimentos e promessas. É a parte mais intimista e especial da cerimônia, e a mais aguardada pelos noivos. Por isso, tudo deve estar a postos: luzes, trilha sonora, fotógrafos e discurso preparado com antecedência.

CERIMÔNIA RELIGIOSA: Como a maioria das crenças e religiões não prevê o matrimônio homoafetivo, os casamentos LGBT, em geral, têm uma cerimônia civil seguida da festa, tudo no mesmo local. Mas há religiões, sim, que aceitam e até ministram cerimônias de casamento entre pessoas do mesmo sexo, como a umbanda, o candomblé, a Igreja Cristã Contemporânea e o Budismo.

CERIMONIAL:  Quando são dois noivos ou duas noivas, aqui não existem regras. Há casais que decidem quem entrará primeiro, outros preferem entrar juntos, cada um com a sua mãe. Já em relação a quem irá ministrar a cerimônia, uma boa ideia é chamar um amigo ou familiar para fazer esse papel, pois torna o momento mais íntimo e sensível. Outra boa alternativa é contratar um celebrante de casamentos, que sabe como promover uma cerimônia tão bonita quanto a religiosa.

TRAJE: Homens e mulheres têm liberdade absoluta para ousar, mas devem ficar atentos a um detalhe: é muito importante que os noivos conversem e decidam juntos os trajes que irão usar no casamento, para que estejam em harmonia entre si e com o estilo da festa. Usar gravatas coloridas, flores na lapela, terno claro… Está tudo liberado. Para as noivas, a ideia é a mesma: se uma se sente mais à vontade de terno e a outra sonha em se casar com um vestido de noiva branco, tudo bem, desde que isso seja conversado antes e decidido pelas duas.

FORNECEDORES GAY-FRIENDLY: É preciso buscar fornecedores que tenham afinidade com a comunidade LGBT e estejam abertos a trabalhar com esse público. Também é importante observar que já existem assessorias de casamentos e serviços especializados em uniões homoafetivas.

ORIENTAÇÃO DO STAFF: Uma das sugestões é que os noivos (ou o assessor do casamento) procurem os serviços e as demais pessoas que vão circular pela festa e que terão contato com os convidados, e conversem abertamente com os intermediários. E se possível, que selecionem ou conheçam previamente os profissionais pessoalmente. É muito importante que o organizador dê orientações específicas ao staff e esteja presente no dia da festa.

Comentários

Comentários

Compartilhar

Sobre o Autor

Nós somos um website especializado em conteúdo voltado para LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais). Com novidades sobre famosos, músicas e notícias em geral.

4 Comentários

  1. Parabéns pela matéria!!!Muito legal! São perguntas que nos fazemos quando pensamos numa celebração de união LGBT! Para celebrar o amor não existem regras! Acho legal cerimônias personalizadas que tenham a cara dos noivos!

  2. Espero um dia achar um cara legal e me casar , seria muito bom, eu tenho o sonho de me casar ao ar livre num jardim cheio de flores, nossa como sou careta kkk

  3. Realmente algo memorável. As vezes me imagino casando também, mas estou aguardando as coisas melhorarem, e Eu e meu amor (Fábio) terminarmos nossas graduações. Chegará o dia, isso eu sei… kkk

Deixe uma resposta

Pin It on Pinterest