O vaticano contra o casamento gay

0
Papa Bento XVI
Após a aprovação do casamento entre homossexuais na Europa e nos EUA ,o vaticano mostra novamente sua face e jura nunca parar de insistir que o casamento só pode ser entre um homem e uma mulher.
Em um artigo de primeira página no jornal “L’Osservatore Roman” do Vaticano, a Santa Sé procurou enquadrar-se como a voz solitária de coragem na iniciativa da oposição para dar a casais do mesmo sexo o reconhecimento legal. Em um editorial separado “Vatican Radio”, o porta-voz do papa perguntou sarcasticamente se os defensores do casamento entre homossexuais vão agora luta pelo reconhecimento legal de casais poligâmicos também.

A doutrina católica afirma que os homossexuais devem ser respeitados e tratados com dignidade, mas que os atos homossexuais são “intrinsecamente desordenados”. O Vaticano também se opõe ao casamento do mesmo sexo, insistindo na santidade do casamento entre um homem e uma mulher como o alicerce para a sociedade.

Quando mencionado os avanços que os ativistas pró-casamento LGBT conseguiram nos EUA e na França, o ” L’Osservatore Roman” escreveu. “Pode-se dizer que a igreja, pelo menos nesta frente, foi derrotada, mas esse não é o caso.”

O artigo insistia que os católicos foram a colocação de uma luta corajosa para defender a doutrina da Igreja em face de “ideologias politicamente corretas invadindo todas as culturas do mundo”, que são apoiadas por instituições como as Nações Unidas (ONU), que no ano passado aprovou uma resolução não vinculativa condenando discriminação anti-gay.

A reação do Vaticano a reeleição de Obama foi assistida pelo Papa Bento XVI que parabenizando Obama e rezou para que os ideais de liberdade e justiça continuem a ser acolhidos. Em 2008 a eleição de Obama não havia tido tanto interesse do papa, até que ele foi eleito. Em seguida, o papa denominou a eleição de Obama uma “ocasião histórica” ​​em uma nota pessoal de felicitações enviada logo depois que ele ganhou, uma ruptura com o protocolo do Vaticano tradicional.
As mudanças estão acontecendo e esperamos que a igreja pare de ir contra os homossexuais, se Deus é amor porquê cultivar tanto ódio? Se na Bíblia tem dizendo amai ao próximo, como que alguns pastores/padres odeiam os gays e querem tentar mudar o que eles são? Uma visão realista da sociedade deixa claro, que quem está indo contra a fé é quem prega e não segue o que diz.
A Liga Gay

Compartilhe:

Comentários

Comentários

Compartilhar

Sobre o Autor

Nós somos um website especializado em conteúdo voltado para LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais). Com novidades sobre famosos, músicas e notícias em geral.

Os comentários estão fechados.

Pin It on Pinterest